Passo-a-Passo-Como-tratar-uma-Piscina-com-agua-Verde-Cobop-ourinhos-e-assis

A sua piscina está com a água verde ou, mesmo que transparente, mas com um tom esverdeado? A sua piscina é de fibra, vinil ou de piso?

Então você está no artigo certo para resolver esse problema!

Resumidamente, isso ocorre porque sua piscina está desprotegida, basicamente estão desajustados dois itens:

  • A quantidade (ou falta) de cloro;
  • A alcalinidade e pH.

 

Quais são as principais causas da água verde?

O principal fator que é o responsável pela tonalidade verde da água da piscina é a alta quantidade de microrganismos (algas) contidos nela. Isso ocorre principalmente em piscinas que são muito próximas à vegetação ou depois de chuvas.

 

Como tratar a Água Verde?

É de extrema importância que você trate uma piscina com água verde, pois ao fazer isso você evita a proliferação de outros microrganismos patógenos, ou seja, que causam doenças.

A coloração esverdeada indica que a piscina precisa de atenção e tratamento para a segurança e saúde dos banhistas.

Confira abaixo os 4 passos para tratar sua piscina:

 

1- Avaliar Alcalinidade e pH

Em primeiro lugar, você deve se assegurar de que os parâmetros da alcalinidade e ph estão adequados.

Essa verificação é necessária, pois de nada vai adiantar fazer a limpeza, remover sujeiras e folhas se os parâmetros estiverem incorretos, pois em um curto período de tempo a água voltaria a ficar verde.

Através de medidores próprios para esse fim, você deve avaliar o nível de alcalinidade e ph da água da piscina.

Veja os parâmetros ideais:

  • O pH precisa ficar entre 7,0 e 7,4;
  • E a alcalinidade, entre 80 e 120 ppm.

Se por acaso os parâmetros estiverem fora desses citados acima, é preciso efetuar os ajustes.

 

Já falamos sobre a alcalinidade e ph em outro post, caso tenha ficado com dúvidas recomendamos que você o leia. Lá tem mais detalhes e dicas!

 

passo-a-passo-como-tratar-uma-piscina-com-agua-verde-cobop-ourinhos-e-assis

2- Limpar e Purificar

Neste segunda passo, é hora de colocar a “mão na massa”!

Como as algas além de estarem contidas na água, elas também se impregnam nas laterais, paredes e fundos de sua piscina. Então, faz-se necessário esfregar bem esses lugares, pois ao fazer isso você estará desgrudando as algas e microrganismos que fazem mal a sua saúde.

Além de esfregar toda a piscina, é necessário retirar galhos, folhas e resíduos em geral que flutuem na superfície da água utilizando uma peneira.

 

Dica: Para facilitar o seu trabalho, lembre-se de deixar a água de sua piscina recirculando e o sistema de filtragem ligado no decorrer de todo o processo.

 

3- Ajuste a Alcalinidade e pH; Aplique o Cloro

Se no passo 1º você notou que os níveis estavam incorretos, então agora é hora de ajustá-los. Dessa forma, você ficará mais seguro sabendo que os parâmetros de alcalinidade e ph estão dentro do indicado.

 

Dica: Lembre-se, primeiro ajuste a alcalinidade, e depois o ph.

 

De acordo, com as medições, veja o que fazer:

  • Com a alcalinidade acima dos 120 ppm, use o redutor de alcalinidade e pH.
  • Abaixo dos 80 ppm, use o elevador de alcalinidade.
  • O mesmo com a medição do pH.

OU:

  • Com o pH acima de 7,4, utilize um redutor de alcalinidade e pH ou o redutor de alcalinidade e pH extra forte.
  • Se o pH estiver em 7.0 não precisa elevar o pH.

 

Agora, aplique o cloro granulado na dosagem especificada pelo fabricante na própria embalagem. Aguarde de 10 a 20 minutos e aplique um algicida de choque e um clarificante, respeitando as dosagens e instruções do fabricante na embalagem.

 

4- Agora é só aguardar e acompanhar!

Ufaa… O mais difícil já passou!
Após esse verdadeiro tratamento de choque para se livrar das tais algas e da água verde, agora você deve esperar de 12 a 14 horas, com o motor da piscina desligado, para utilizá-la novamente. Esse processo é chamado de decantação.

 

Considerações finais…

Para evitar que as algas e, consequentemente, a água verde tome conta de sua piscina de novo, siga esses passos abaixo:

  • Avalie o nível de pH semanalmente, e o de alcalinidade mensalmente.
  • Faça o tratamento de manutenção aplicando cloro e um algicida manutenção, nas quantidades e frequências recomendadas pelo fabricante, que são, em geral, semanalmente.

 

Fale com a Cobop
Surgiu alguma dúvida? Coloque-a nos comentários abaixo. Teremos muito prazer em te ajudar. Caso precise também, possuímos tudo para tratamento de piscinas em Ourinhos e Assis.

Um comentário em “Passo a Passo: Como tratar uma Piscina com Água Verde?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *